guiamum

Faixa a Faixa: Guiamum comenta seu disco de estreia

Daniel Ribeiro, o Guaiamum, é um daqueles músicos que você conhece e não consegue parar de ouvir. O cara é super talentoso em letra, melodia e interpretação. Recentemente, ele lançou seu disco de estreia e é claro que pedimos para ele nos contar as histórias que existem por trás dessas canções. Confere aí o faixa-a-faixa.

1. Dawn
Sempre foi a abertura do disco para mim. Não tinha nome quando a compus, mas ficou claro que ela pintava um amanhecer, que acho infinitamente mais bonito que o pôr do sol. Depois de você ver o dia começando, tem o resto dele para lembrar e pensar sobre o que viu. No final das contas, esse disco trata exatamente disso: de perda, mas também de lucro, propósito e esperança.

2. Future Archaeology
Foi a música que começou o projeto. Com ela, comecei a idealizar o que veio a ser o Guaiamum. Tanto pelo fato de começar a me sentir seguro dentro dessa linguagem musical quanto pela temática, que fala de um começo a ser lembrado, de buscar o que se quer, mesmo que tenha que ser sozinho.

3. Convenience
É uma canção sobre perda e nasceu de um improviso. Volta e meia as gravações que faço de forma despretensiosa e informal soam mais naturais e expressivas. Fiquei tão feliz com o jeito que os violões soaram que decidimos não gravar de novo.

4. Riot
É a música mais violenta – ou a única – do disco. É sobre um personagem determinado a se livrar de suas correntes custe o que custar e que, por meio desse processo, encontra verdades importantes. A narrativa musical acompanha o texto com suas seções diferentes. Foi uma dessas músicas que já estavam prontas quando comecei a compor, veio toda de uma vez.

5. Season
Conta a história de um relacionamento que foi acabando aos poucos. As mudanças lentas podem ser as maiores. Por serem discretas a gente não se opõe a elas, não percebe a água amornando e quando se da conta, as coisas já são outras. O primeiro instrumento que quis tocar quando criança foi o violoncello. No trecho do solo é ele que desenha a passagem do tempo que leva ao último verso, onde o personagem percebe que as coisas já não são mais como eram antes.

6. Gotas
É um fragmento de uma composição instrumental mais extensa que foi criada como trilha para o curta metragem “Gotas”, de André Felipe de Medeiros. É como se fosse um pequeno episódio musical que desenha uma chuva que vem chegando. Nos shows, toco a versão completa.

7. For You
É a canção patinho feio do disco. Quando a escrevi, ainda não tinha uma ideia muito definida do que era o Guaiamum e não achava que ela casava muito bem com as primeiras composições. Quando o projeto foi amadurecendo, ela começou a fazer sentido dentro do todo. É uma das mais fortes nos shows. É sobre perseverança, sobre trazer à mente o que te pode dar esperança quando tudo vai errado.

8. Monument
Entrou no disco aos 45 do segundo tempo. Vitor (Moraes, coprodutor e engenheiro de gravação e mixagem) ficou sabendo dela no final do dia da gravação das baterias. Agora soa engraçado, mas na hora não foi muito não. Ela apareceu no susto durante um ensaio, dessas que já vem inteiras com verso, letra e refrão.

9. Isa’s Roadtrip
Sua introdução apareceu durante uma aula de violão (a aluna se chamava Isabela). Estava com um violão novo que ganhei do Rodrigo Hentringer (parceiro musical durante muitos anos que havia se mudado para o exterior). Parecia que o riff já estava lá. Pedi licença à Isa, gravei a ideia no celular e passei o resto do dia assombrado, esperando chegar em casa para poder trabalhar a ideia. Quase não entrou no disco por ser um pouco diferente, mas é a minha favorita.

10. Endowment
É uma canção sobre duas pessoas que se percebem tarde demais. Ela começa um pouco tímida e por isso tinha medo dela não funcionar bem ao vivo, mas seu final sempre levanta os ânimos. Acabou sendo a música mais forte do disco e as pessoas se conectam com ela.


Vale lembrar que o show de lançamento do disco acontece no próximo sábado (23), às 21h, no Teatro da Rotina (São Paulo). Você pode garantir o seu ingresso aqui no link do evento!

Compartilhe